Conferência Profética 2015 na Lagoinha - Um Clamor Por Compaixão

1/28/2015
- Por César Costa -

Pastor Ricardo Robortella conta detalhes do evento que acontecerá nesta semana

Nos dias 29, 30 e 31 de janeiro de 2015, a Igreja Batista da Lagoinha sediará mais uma Conferência Profética do Clamor, evento organizado pelo pastor Ricardo Robortella e Ministério Clamor pelas Nações. Para este ano o tema “Compaixão” permeará as palestras e os períodos de louvor, conduzidos por adoradores internacionais e nacionais. Em entrevista concedida ao jornal Atos Hoje, o pastor Robortella aborda alguns detalhes da conferência que, segundo ele, será “um tempo no qual o Senhor gerará uma compaixão que vai além de tudo que jamais sonhamos”.

Atos Hoje – Quando nasceu a conferência “Clamor pelas Nações” e com qual finalidade?

Robortella – A Conferência nasceu em julho de 2014, quando o Senhor compartilhou comigo sobre a necessidade de ser tocada uma trombeta, convocando a igreja para um novo tempo que Ele está trazendo ao Brasil. Esse novo tempo envolve o clamor por arrependimento e um desejo ardente de avivamento. Há uma geração em nosso país que deseja ir além do entretenimento e da religiosidade, que sonha ver os milagres do Senhor e anseia ser usada para alcançar os povos. O foco da Conferência Profética é despertar no coração dos irmãos a necessidade de buscar mudanças na vida deles e, a partir disso, iniciar a transformação do nosso país. Serão abordados temas, tais como: A vida de um verdadeiro adorador; Uma visão profética para este tempo no qual estamos vivendo; O coração de Deus pelos pobres e perdidos; Um amor que constrange nossos corações; O líder segundo o coração de Deus e Evangelismo mundial.

Atos Hoje – Por que foi escolhido o tema “Compaixão”?

Robortella – Não há como separar a verdadeira adoração do amor pelas vidas, pois o verdadeiro adorador tem em seu coração a compaixão pelos pobres e perdidos. Além disso, o Senhor me orientou a colocar esse tema pelo fato de que teremos conosco palestrantes e adoradores que demonstram de todo o coração uma entrega e desprendimento total em favor do próximo. Tenho convicção de que as pessoas que participarem da conferência serão tocadas e desafiadas a alcançarem outro nível de intimidade, de adoração e também de compaixão pelos pobres e perdidos.

Arquivo – Conferência Profética 2014 / Foto: Edemias Del Mestre

Atos Hoje – Você tem pregado muito a respeito de 2015 ser um ano profético para o Brasil. O que seria esse tempo profético?

Robortella – O tempo profético é caracterizado por um período no qual o mundo passa por mudanças, obviamente, com a permissão de Deus. Pelos documentários, todos temos observado como as nações estão passando por transformações políticas e sociais; e isso tudo gera um impacto mundial. É um tempo para que a Igreja se levante em glória para a realização de grandes coisas. Na Bíblia, no livro de Atos, podemos ler que os apóstolos, movidos pelo Espírito Santo, realizaram muitas coisas no nome do Senhor, alcançando judeus e gentios, mesmo com perseguição. Em Antioquia, pela graça derramada por Deus, os discípulos foram chamados de cristãos pela primeira vez. Da mesma maneira, hoje, a Igreja necessita buscar esse mesmo fogo que envolvia a Igreja neotestamentária. Mas, para isso, é necessário sacrifício. Sem sacrifício não há fogo e sem fogo não há glória.

Atos Hoje – Quais são suas expectativas para essa segunda conferência na Lagoinha?

Robortella – Creio que todos podem esperar um grande mover de arrependimento e avivamento. Haverá uma adoração genuína, pois todos os convidados que estarão conosco são adoradores, cuja única motivação é tocar o coração do Pai, servir e abençoar nossa igreja e o Brasil. Nossa visão não é apenas realizar um ajuntamento de pessoas, mas um encontro de adoradores e profetas. Há uma trombeta tocando nos céus, chamando os adoradores para uma assembleia solene. Gostaria de convidar os irmãos a estarem conosco e participarem desse tempo profético. Não tenho dúvidas que estes três dias marcarão nossa vida. Os homens e as mulheres de Deus que ministrarão em nossa igreja são referência em todo o mundo, por isso, se você está sedento por mais de Deus, inscreva-se na conferência. O Senhor é o nosso convidado de honra. Cremos que Ele gerará em nós uma compaixão que vai além de tudo que jamais sonhamos.

As inscrições para a “Conferência Profética Clamor pelas Nações” já estão se esgotando, mas você ainda pode se inscrever na Tenda da Bênção, após os cultos realizados no Templo da Lagoinha, ou pelo site: clamor.com.br.

Texto de Kátia Brito / Fonte: Lagoinha.com

DEIXE SUA OPINIÃO NOS COMENTÁRIOS ABAIXO

Livres DT - O seu canal de notícias do Diante do Trono e do Mundo Cristão
livresdt@yahoo.com.br
Leia mais

‘O mundo assiste cristãos morrerem como animais’, diz líder na Nigéria

1/28/2015
- Por César Costa -

O presidente da Convenção Batista da Nigéria (NBC) diz, se referindo aos cristãos: “O meu povo está sendo morto como animais e todo o mundo está apenas assistindo”. E faz um apelo para que haja intervenção internacional urgente para parar a violência do grupo radical islâmico Boko Haram, que aterrorizam o norte e o leste do país.

Em uma entrevista para Baptist World Alliance (Aliança Batista Mundial), o reverendo Samson Ayohunle expressou “consternação” com a atitude da comunidade internacional ante a face da tamanha destruição e desumanidade cometida contra o povo nigeriano, mais especificamente aos cristãos no país.

A mesma seriedade com que se está intervindo contra os ataques do ISIS (Estado Islâmico) na Síria e no Iraque, ou com os problemas causados pelo Taliban no Afeganistão, não está sendo demostrado no caso da Nigéria”, disse Samson.

Ele acusou a comunidade mundial de desvalorizar as vidas dos nigerianos. “Isso não importa ao resto do mundo, se Boko Haram continua a matar centenas de pessoas todas as semanas? São essas pessoas menos humanas do que aqueles que estão sendo mortos em outro lugar onde eles passaram a intervir diretamente? O meu povo está sendo morto como animal e todo o mundo está apenas assistindo”.

Na ocasião, Samson estava respondendo ao mais recente surto de ataques de Boko Haram, grupo jihadista que busca estabelecer a lei islâmica na Nigéria.

O Boko Haram realizou o massacre em Baga, estado nigeriano do nordeste de Borno, no início de janeiro deste ano, fazendo com que um número desconhecido de mortos, embora estimativas variam de dezenas a mais de dois mil. Em abril de 2013, mais de 185 pessoas foram mortas e mais de duas mil casas em Baga foram destruídas como resultado de combates entre as forças armadas nigerianas e o Boko Haram.

Cristão perseguidos mortos e expostos pela cidade

Até 2014, o grupo matou mais de cinco mil civis em ataques que ocorrem principalmente no nordeste, centro norte e centro da Nigéria. Desde 2009, o Boko Haram raptou mais de 500 pessoas, incluindo o sequestro de 276 estudantes de Chibok em abril de 2014. Estima-se que 1,5 milhão fugiram de suas casas por causa de ameaças e ataques.

A situação é patética”, declarou Ayokunle. “As principais metas em todos estes ataques são, primeiro, os cristãos e qualquer outra pessoa que se oponha a eles. Qualquer cidade que eles entrem, depois de matar os cristãos, eles derrubam todas as igrejas não poupando as mesquitas. Grandes cidades cristãs, tais como Gwoza e Mubi entre outros caíram por eles, bem como cristãos em cidades como Michika e Baga”.

O líder batista nigeriano disse que “a igreja está sob o cerco de severa perseguição”. “Nenhuma igreja cristã está mais de pé em Mubi, onde mais de dois mil batistas fugiram da cidade através dos Camarões, quando a cidade foi atacada pelo Boko Haram”.

Estes cristãos batistas, disse ele, voltaram para a Nigéria através de uma outra cidade chamada Yola, no Estado de Adamawa, mas nunca para suas casas. “Eles estão sem casas e agora estão vivendo em campos de refugiados correndo atrás de comida, sem alojamento decente e nus”.

Samson disse que edifícios batistas, incluindo os gabinetes das secretarias de Fellowship Baptist Conferência da NBC, foram queimados em Mubi, e a casa do presidente da conferência foi vandalizada. O presidente da conferência e pastores batistas fugiram para a cidade de Jos, no estado Plateau, outra região que tem sido atacado por Boko Haram. “Nosso Colégio Batista, em Mubi foi fechada enquanto uma escola em outra cidade vizinha, Gombi, foi indefinidamente paralisada”.

Ele agradeceu o apoio da oração dos batistas e outros cristãos, e solicitou ajuda financeira para socorrer aqueles que foram deslocadas pelos ataques terroristas. “Continue a se juntar a nós em oração para que as portas do inferno não prevaleçam contra a Igreja de Cristo na Nigéria”.

Fonte: CPAD News

DEIXE SUA OPINIÃO NOS COMENTÁRIOS ABAIXO

Livres DT - O seu canal de notícias do Diante do Trono e do Mundo Cristão
livresdt@yahoo.com.br
Leia mais

Primeiro Power Ranger Verde se torna missionário evangelista

1/28/2015
- Por César Costa -

Milhões de crianças do mundo todo cresceram assistindo a série de televisão Power Rangers. 

Até hoje o programa filmado na década de 1990 é reprisado com sucesso em várias emissoras e lançou uma nova versão pelo canal Nickelodeon.

Mais de 20 anos depois, os fãs ainda fazem filas para conhecer o seu super-herói favorito nas convenções e feiras temáticas de super-heróis. Jason David Frank é o ator mais conhecido da franquia tendo destaque como Tommy Oliver, o primeiro Ranger Verde.

Com o sucesso da franquia, ele que faria apenas 10 episódios da primeira temporada, participou das três primeiras como o Ranger Verde. Depois, voltou como o Ranger Branco (então líder da equipe). Fez ainda o longa Power Rangers: O Filme. Em 1996 e 1997, voltou nos filmes Power Rangers: Zeo e Power Rangers: Turbo, desta vez como o Ranger Vermelho, líder da equipe.

Ele continuou sua carreira como professor de artes marciais e lutador de MMA até que em 2004, Frank retomou o papel de Tommy Oliver (agora doutor em arqueologia) em Power Rangers: Dino Trovão, tornando-se, posteriormente, o Ranger Preto.

Ao todo foram 200 episódios da série, mais os filmes. Em 2014 o canal Nickelodeon lançou o Super Mega Force, onde Tommy aparece instruindo a nova geração de Rangers.

Mas fora das câmeras, o homem por trás da máscara tem se dedicado ao ministério evangelístico, falando sobre o único “super-herói” que ele conhece: Jesus Cristo.

Seu sucesso ele credita a Deus, que “definitivamente tinha um plano” e lhe permitiu isso. Jason Frank conta que se converteu em 2001, poucos meses depois da morte de seu irmão Erik Ray Frank, que também atuou em Power Rangers. Lembra que as pessoas começaram a convidá-lo para ir à igreja naquele momento difícil. Abrindo seu coração, aceitou a Jesus e desde então tenta conciliar sua carreira como ator com as oportunidades de pregar o evangelho.

Ele fez aparições em eventos de sua igreja, no Texas, apoiado pelo seu pastor, Keenan Smith. Juntos, criaram o Impact Team, um grupo de atletas profissionais que faz apresentações de vários esportes e compartilha do amor de Deus com a plateia.

Conta ainda que usa as redes sociais para falar sobre Jesus. “Eu me comunico com cerca de 5 milhões de pessoas toda semana através do Facebook e do Instagram. É uma bênção poder fazer isso”, comemora.

Outra maneira que Frank diz utilizar para levar a Palavra é através de uma linha de roupas e acessórios para artes marciais, chamada Jesus Didn´t Tap [Jesus não pediu pra sair], uma referência ao gesto do lutadores que, ao bater no chão, indicam que estão desistindo da luta. Para ele, trata-se de uma lembrança que mesmo diante do sofrimento e da cruz, Jesus não desistiu, morrendo por todos.

Falando sobre fé e esportes, Frank lembra do crescimento do número de igrejas evangélicas norte-americanas que possuem programas ministeriais ensinado MMA aos fiéis. Esse fenômeno teve destaque ainda maior com o lançamento do documentário “Igreja da Luta”, que mostrava pastores trocando socos no octógono.

Fonte: Gospel Prime / Com informações CBN

DEIXE SUA OPINIÃO NOS COMENTÁRIOS ABAIXO

Livres DT - O seu canal de notícias do Diante do Trono e do Mundo Cristão
livresdt@yahoo.com.br
Leia mais

Hoje Jean Wyllys impede curso para pastores, amanhã mandará fechar igrejas

1/27/2015
- Por César Costa -

A tentativa do deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ) de impedir um curso para pastores ministrado pelo ex-homossexual Claudemiro Ferreira é uma mostra absurda da ditadura ideológica que o parlamentar está disposto a impor caso mantenha sua influência sob o Governo.

O curso previsto para acontecer entre os dias 19 e 23 do presente mês foi interrompido pela Justiça após o parlamentar – homossexual assumido e principal opositor da cultura judaico-cristã no país – ter denunciado ao Ministério Público do Distrito Federal (MP-DF) que o curso tratava a homossexualidade como “doença”.

Os palestrantes Airton Williams e Claudemiro Soares foram intimados pelo Ministério Público a comparecer no Núcleo de Enfrentamento a Discriminação durante o evento em Brasília. Contra eles, foi feita por Wyllys uma acusação sobre “charlatanismo”. Uma denúncia absurda, já que o tema do evento não tem qualquer perspectiva de ter discurso de intolerância ou homofobia.

Wyllys está agora disposto a tudo para impedir e influenciar nos trabalhos das igrejas cristãs. Talvez seja por isso que o parlamentar seja favorável ao ensino do islamismo nas escolas públicas do Brasil. Se as lideranças não reagirem agora ninguém poderá impedi-los de interromper outras reuniões para intimar pastores a depor.

O fato é que há movimentos querendo impedir que a verdade seja pregada no Brasil. O cartaz do evento dizia somente: “Homossexualismo: ajudando, biblicamente, a prevenir e tratar aqueles que desejam voltar ao padrão de Deus para sua sexualidade”. Agora é crime no Brasil ensinar que a homossexualidade é pecado? É justamente o que o deputado deseja, que a opinião contra a prática seja criminalizada, instaurando uma ditadura moral.

Wyllys, por exemplo, sente-se no direito de defender a prostituição como prática exemplar para a sociedade, inclusive apresentou um projeto para que as prostitutas tenham os mesmos direitos de trabalhadores comuns. Mas os cristãos não tem o direito de se posicionar contra a homossexualidade? Isso é revoltante. Mordaça, ditadura ideológica, autoritarismo e imposição é coisa de nazistas.

Não aceito ditadura ideológica, mordaça ou gueto, nem para mim nem para ninguém, nem para o crente nem para o ateu, nem para o heterossexual nem para o homossexual. Se qualquer pessoa tem o direito de defender o aborto, o uso de drogas, práticas criminosas, tem gente até favorável a pedofilia, e o Ministério Público não interfere, nós cristãos temos o direito de oferecer ajuda para homossexuais que queiram deixar essa prática.

O deputado gosta de acusar os cristãos de preconceituosos e fundamentalistas. Lenin quem disse: “Xingue-os do que você é, acuse-os do que você faz.” Wyllys é um oportunista que tenta manter seu nome em alta as custas de perseguir e intimidar cristãos Brasil a fora.

Se nos calarmos agora, se os cristãos aceitarem essa imposição ideológica, devem estar preparados para verem pastores e padres sendo presos acusados de homofobia por pregar contra o pecado da prática homossexual em suas igrejas. Temos que dar uma resposta à altura a esse episódio.

O Ministério Público recuou na denúncia, decidiu arquivar o caso por não haver indício de discriminação após o depoimento de um dos palestrantes, que levou o promotor a conclusão óbvia: o curso é voltado para lideranças evangélicas interessadas em acolher homossexuais.

Nós cristãos precisamos aprender a enfrentar a apostasia e lutar contra a influência do mal na sociedade moderna. Precisamos nos posicionar em defesa do evangelho. Em Salmos 2:8 diz: “Pede-me, e te darei as nações como herança e os confins da terra como tua propriedade”. Deus está disposto a nos entregar essa nação, para que o mundo testemunhe da sua glória, mas precisamos estar dispostos a nos posicionar contra a apostasia, o pecado, a depravação moral, o anti-cristo.

O que se insinua é que as pessoas podem escolher agir por qualquer motivo, menos pela fé. Isso é puro preconceito, intolerância religiosa, perseguição, cristofobia, violação dos direitos humanos, dos direitos constitucionais que nos garantem a livre manifestação de culto. O cristão deve ser sal e luz para o mundo e deve apontar o temor do Senhor e seus mandamentos como dever de todo o homem (Eclesiastes 12:13).

Ateus tem o direito de se manifestar contra a fé, mas não de tentar impedir a manifestação de culto. Se aceitarmos essa imposição ideológica, em breve nossas escolas de obreiros e escolas bíblicas dominicais serão fiscalizadas por órgãos públicos para ter seu conteúdo aprovado.

Fonte: Gospel Prime

DEIXE SUA OPINIÃO NOS COMENTÁRIOS ABAIXO

Livres DT - O seu canal de notícias do Diante do Trono e do Mundo Cristão
livresdt@yahoo.com.br
Leia mais

Seminário prepara cristãos para suportar perseguição

1/23/2015
- Por César Costa -

A província de maioria cristã já começa a sofrer perseguições com o aumento de muçulmanos que se migraram para lá.

Colaboradores do Ministério Portas Abertas realizaram um seminário em Papua, na Indonésia, para preparar líderes cristãos diante das perseguições.

Com o tema de “Permanecendo Firme Através da Tempestade”, os voluntários se juntaram aos líderes na base militar para oferecer o treinamento.

O objetivo do seminário é preparar as igrejas para que reajam biblicamente em tempos de perseguição. A Papua é uma província que pertence à Indonésia, mas se diferencia do restante do país por ter a maioria da população cristã.

Acontece que nos últimos anos o número dos muçulmanos tem aumentando na província, começando a gerar confrontos e perseguições. Para se ter uma ideia em dez anos a proporção de 90% cristãos e 10% muçulmanos passou para 60% cristãos e 40% muçulmanos.

Entre os motivos para este crescimento seria a migração de indonésios que vão para Papua em busca de melhores oportunidades econômicas, com o transporte cada vez mais acessível esses números não param de subir, o que preocupa a comunidade cristã.

O medo dos papuas se baseiam na história da província vizinha Maluku que em 1990 teve uma guerra religiosa sangrenta que deixou 7 mil mortos e 30 mil pessoas deslocadas.

Alguns casos de intolerância religiosa em Papua já foram registrados pela imprensa, o jornal “The Sydney Morning Herald” relatou que mais de 2.200 crianças foram levadas para a ilha de Java e foram matriculadas em uma escola islâmica. Lá, elas serão não apenas introduzidas ao islã, como também treinadas para um dia de propagação do islamismo em Papua.

Fonte: Gospel Prime

DEIXE SUA OPINIÃO NOS COMENTÁRIOS ABAIXO

Livres DT - O seu canal de notícias do Diante do Trono e do Mundo Cristão
livresdt@yahoo.com.br
Leia mais

Conferência Offline 2015: Os Evangelhos de Hoje x O Evangelho de Cristo

1/14/2015
- Por César Costa -

A Conferência Offline deste ano de 2015 será realizada nos dias 15, 16 e 17 de janeiro focando na mesma temática da primeira edição, que aconteceu no ano passado. O objetivo desta Conferência é contrastar os inúmeros "evangelhos" que se têm pregado atualmente nas igrejas brasileiras com o Evangelho que Cristo nos ensina na Palavra de Deus.

Neste ano, três temáticas serão abordadas. Uma em cada noite do evento. São elas: “O evangelho místico X O Evangelho de Cristo”, “O evangelho triunfalista X O Evangelho de Cristo” e “O evangelho pragmático X O Evangelho de Cristo”, e para isto três grandes pregadores falarão sobre cada tema. São eles: Rennan Dias, André Luiz e Marco Telles. A programação ainda contará com duas Mesas Redondas que serão realizadas durante as tardes do evento. Os temas debatidos serão: "Os Evangelhos de Hoje" e "Redimindo a Música Cristã Brasileira".

A parte musical da Offline 2015 será de responsabilidade de pessoas que cantam em suas músicas o que a Bíblia contém e não o que o mercado gospel atual pede e vende fácil. As bandas serão: Stênio Marcius, Jotta Carlos Jr. (lançando o CD "O Centro de Todas as Coisas"), Atitude & Adoração, Marco Telles, Prumo e AHAVA (lançaco o CD "Debaixo do Sol").

O local da Conferência, este ano, será a Igreja New Life dos Bancários, João Pessoa/PB (antiga Primeira Igreja Batista Jardim Cidade Universitária - PIBJCU). Se você não sabe onde fica esta igreja, clique AQUI e saiba como chegar tendo como ponto de partida a UFPB.

A entrada para a Conferência Offline é TOTALMENTE GRATUITA, mas se você quiser ajudar a custear as despesas deste evento, estarão sendo vendidos muitos produtos na Lojinha da Offline e você poderá ser bênção e ser abençoado através dessas compras.

Confira logo abaixo o Cartaz de Divulgação da Offline 2015 e a Capa Oficial do CD "Debaixo do Sol" da banda AHAVA, produzido pela Candiero Canções (clique nas imagens para ampliá-las):


DEIXE SUA OPINIÃO NOS COMENTÁRIOS ABAIXO

Livres DT - O seu canal de notícias do Diante do Trono e do Mundo Cristão
livresdt@yahoo.com.br
Leia mais

Jerusalém: encontrado local onde Jesus teria sido julgado

1/11/2015
- Por César Costa -

Foi aberto para visitação pública o lugar onde teria se passado um dos momentos mais importantes do Novo Testamento: o julgamento de Jesus Cristo.

O local foi encontrado por arqueólogos durante uma escavação, iniciada há quinze anos, para a expansão do Museu da Torre de Davi, em Jerusalém. A descoberta ocorreu depois que os pesquisadores começaram a cavar o chão de um prédio antigo abandonado, ao lado do museu.

Já se sabia que nesse terreno havia uma prisão desde os tempos em que a região era controlada pelos otomanos, que dominaram Jerusalém no Século XVI, até o período do domínio britânico, no início do Século XX. Uma nova análise revelou que Jesus pode ter sido julgado ali: entre os sinais encontrados pelos arqueólogos, além de inscrições deixadas por antigos presos nas paredes, estão fundações e um sistema de esgoto que os pesquisadores acreditam ser do palácio de Herodes, o rei da Judeia durante o domínio romano. “A prisão é uma grande parte do antigo quebra-cabeça de Jerusalém e mostra a história da cidade de forma única e clara”, disse ao jornal americano ‘Washington Post’ Amit Re’em, arqueólogo que liderou a equipe na escavação.

Atualmente, diversos cristãos que peregrinam até Jerusalém percorrem a via-crúcis, trajeto realizado por Jesus carregando a cruz O caminho começa no local onde se acredita que o procurador romano Pôncio Pilatos condenou Jesus à morte e vai até onde ele teria sido crucificado e sepultado. Yisca Harani, especialista na religião cristã e na peregrinação à Terra Santa, ressalta que o trajeto sofreu modificações ao longo do tempo.

Julgamento

Ainda existe debate sobre o local onde o julgamento teria ocorrido, devido a diferentes interpretações dos Evangelhos. Os textos descrevem que Jesus foi trazido diante de Pilatos no “praetorium”, termo em Latim para a tenda do general em um acampamento romano. Alguns acreditam que esse lugar seria em um tipo de alojamento militar, enquanto outros creem que o general romano teria sido um convidado no palácio do rei Herodes.

Historiadores e arqueólogos concordam que o julgamento de Jesus teria ocorrido no palácio, localizado no lado ocidental da cidade, onde está o museu. “Não há, é claro, nenhuma inscrição afirmando que o julgamento aconteceu aqui, mas tudo, do ponto de vista arqueológico, histórico e religioso, recai neste lugar e se encaixa”, afirmou ao jornal Shimon Gibson, professor de arqueologia da Universidade da Carolina do Norte em Charlotte.

Fonte: Veja

DEIXE SUA OPINIÃO NOS COMENTÁRIOS ABAIXO

Livres DT - O seu canal de notícias do Diante do Trono e do Mundo Cristão
livresdt@yahoo.com.br
Leia mais

Cerca de 200 igrejas destruídas em onda de violência anticristã

1/11/2015
- Por César Costa -

Houve uma onda de violência anticristã provocada por muçulmanos ao redor do mundo nos últimos meses de 2014, de acordo com um novo relatório do Institute Gatestone, da África do Sul.

Embora tenha recebido pouca atenção da mídia, incluiu a destruição de cerca de 200 igrejas cristãs na Nigéria. Raymond Ibrahim, que trabalha para o Gatestone, lançou em janeiro o relatório “Novamente crucificado: Expondo a nova guerra do Islã contra cristãos”.

“Em apenas dois meses, cerca de 200 igrejas cristãs foram destruídas na Nigéria pela organização islâmica Boko Haram e seus aliados muçulmanos. Eles tomaram cidades e aldeias inteiras, nos estados do nordeste de Borno e Adamawa, causando a fuga de mais de 190.000 pessoas”, afirma o relatório.

Ibrahim observou ainda que, o Centro de Estudos do Cristianismo Global, com sede nos Estados Unidos concluiu que “Cerca de 100.000 cristãos morrem a cada ano por causa de suas crenças religiosas, ou seja, um a cada cinco minutos. Em países como o Iraque, Síria, Nigéria, Camarões, Sudão, Paquistão, Somália e Egito, todos os cristãos, idosos, mulheres, homens e crianças vivem em condições de insegurança total. Eles são expulsos de suas casas, mandados para a prisão por blasfêmia, mortos brutalmente durante os cultos e suas igrejas são queimadas. Há relatos de meninas que foram raptadas e forçadas a se casar com muçulmanos.”

Ele apresenta uma série de relatos de ataques religiosos inclusive na Alemanha e nas Filipinas, onde a maioria da população é cristã, mas existem extremistas muçulmanos atuando. Em algumas nações, a perseguição é feita na forma de decisões judiciais, relata Ibrahim. Em alguns países esse tipo de informação sequer chega a ser noticiado e o Instituto conta com os testemunhos dos cristãos onde os ataques ocorreram.

“Embora boa parte dos muçulmanos não esteja envolvida, a perseguição aos cristãos está se expandindo. Nosso relatório foi desenvolvido para reunir provas de casos de perseguição que vêm à tona a cada mês. Documentamos o que a mídia muitas vezes deixa de denunciar. Essa perseguição não é aleatória, mas sistemática, ocorrendo em todas as línguas, etnias e locais”, explicou.

O material compilado pelo Gatestone apresenta dados muito semelhantes ao novo relatório anual sobre perseguição publicado pela Portas Abertas, o qual mostra que a África foi o continente onde a violência contra cristãos mais cresceu.

Fonte: Gospel Prime

DEIXE SUA OPINIÃO NOS COMENTÁRIOS ABAIXO

Livres DT - O seu canal de notícias do Diante do Trono e do Mundo Cristão
livresdt@yahoo.com.br
Leia mais

Jovens terão espaço especial durante a 17ª Consciência Cristã

1/11/2015
- Por César Costa -

A Consciência Cristã é um evento multifacetado que engloba diversos públicos e faixas etárias diferentes: crianças, jovens, adolescentes e adultos. Para a juventude estão sendo preparados dois eventos paralelos: são eles o 15º Encontro para a Juventude, realizado à tarde, e o 5º Consciência Cristã Teen, que acontecerá durante as noites da Consciência Cristã 2015.

O primeiro deles é o Encontro para a Juventude, que acontecerá no Pavilhão Jovem e será destinado aos jovens acima de 18 anos. O Encontro, organizado pela Mocidade Para Cristo (MPC), acontecerá de 14 a 17 de fevereiro de 2015 (na parte da tarde) e, terá, dentre os palestrantes convidados, os pastores Renato Vargens e Marcelo Gualberto, com o objetivo de discutirem acerca da necessidade de ser jovem e santo em meio a um mundo secularizado, defendendo os valores da fé cristã em meio a um mundo corrompido e servindo a Deus em qualquer circunstância.

Já no período noturno, ocorrerá o Consciência Cristã Teen, onde Justin Peters, Josh McDowell, Paulo Junior, José Bernardo, Elias Medeiros e Marcos Eberlin farão ministrações à noite, nos dias 12 a 17 de fevereiro no Pavilhão Jovem. O Consciência Cristã Teen é voltado para adolescentes de 13 a 18 anos. Os organizadores têm investido cada vez mais em grandes preletores para palestrar e promover debates com os adolescentes, diante da necessidade de incentivá-los a ter uma Fé firmada na Rocha, em meio a um mundo desacreditado. Por isso, os principais preletores da Consciência Cristã também passarão pelo Pavilhão Jovem, local de realização do evento para os adolescentes e da juventude.

Você pode conferir AQUI a programação completa desses eventos no site oficial da Consciência Cristã.

Fonte: Púlpito Cristão

DEIXE SUA OPINIÃO NOS COMENTÁRIOS ABAIXO

Livres DT - O seu canal de notícias do Diante do Trono e do Mundo Cristão
livresdt@yahoo.com.br
Leia mais